Resenha de O Livro do Amanhã

24 de fevereiro de 2014 0 comentários

Sinopse

Tamara Goodwin sempre teve tudo o que quis e nunca precisou pensar no amanhã. Contudo, de repente, seu mundo vira de cabeça para baixo e ela precisa trocar sua confortável vida da metrópole por uma cidadezinha do interior. Assim, Tamara logo se sente solitária e louca para voltar para casa.

Então, uma biblioteca itinerante chega ao vilarejo, trazendo junto um misterioso livro de couro trancado com uma fivela dourada e um cadeado. O que Tamara descobre ao longo de suas páginas a deixa surpresa. E tudo começa a mudar das maneiras mais inesperadas possíveis... Será possível mudar o amanhã?


Resenha


Depois de ler o maravilhoso P.S. Eu te Amo e A Vez da Minha Vida de Cecelia Ahern, eu esperava que O Livro do Amanhã fosse tão bom quanto esses livros. E para minha surpresa... Não foi nada do que esperava. A história tinha tudo para ser boa, mas a narração é que foi cansativa. 

Poucos diálogos e longas descrições do ponto de vista de uma adolescente mimada, Tamara Goodwin. A personagem até que evoluiu um pouquinho (pouco mesmo) ao longo da história. Mas não foi suficiente para encantar. As partes mais interessantes do livro foram pouco exploradas ao passo que páginas e páginas foram desperdiçadas com informações irrelevantes à história.

Como eu sou romântica, gostaria de mais detalhes nas cenas entre Tamara e Marcus. Mas o rapaz se foi tão rapidamente quanto veio e a história dos dois não trouxe nenhuma emoção. Uma pena.

Imaginei a irmã Ignatius como uma velhinha sábia e que contribuiria mais com Tamara para desvendar alguns mistérios, mas a boa velhinha se omitiu boa parte da trama deixando para revelar o que já estava óbvio apenas no final do livro. Ok, no final do livro as revelações são até boas, mas depois de tantas páginas de leitura cansativa nem fica um final tão surpreendente assim. O mais interessante é o que fica no ar: um futuro feliz da personagem, sem culpas e sem mistérios e a frase mais inteligente que ela diz: “Temos de fazer nossos próprios amanhãs...”

0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB