Resenha do livro Eu te darei o sol

9 de julho de 2015 0 comentários





Fiquei muito feliz com o lançamento desse livro. Antes mesmo de saber do que se tratava eu já estava ansiosa. Simplesmente porque Jandy Nelson é uma escritora capaz de agradar até mesmo quem não gosta de ler. Juro. É i-m-p-o-s-s-í-v-e-l não se apaixonar pelo modo como ela escreve. 

E para quem está se perguntando quem é Jandy Nelson eu esclareço que é a mesma autora do livro O Céu Está em Todo Lugar. Ainda sem saber? Confira a resenha aqui

Então como eu já conhecia a escrita dela, não me surpreendi, apenas também me encantei com Eu te darei o sol. O livro fala sobre a história de dois irmãos gêmeos, Noah, um garoto meigo e magnífico desenhista, e Jude, uma garota extrovertida, também talentosa para a arte, mas não tão apaixonada por ela quanto Noah.

Os irmãos, apesar de se amarem muito e terem aquela forte ligação que dizem que todos os gêmeos têm, são muito competitivos. Noah acredita que o pai prefere Jude, então ele se esforça para ser o preferido da mãe. Jude acredita que está sendo excluída por Noah e sua mãe serem tão apaixonados por arte, então ela apronta para que Noah seja um pouquinho prejudicado. Eles se amam, fazem tudo um pelo outro, mas ao mesmo tempo vivem em pé de guerra. 

Como todo bom romance precisa de uma boa história de amor, aqui nós podemos conhecer duas (e uma pincelada de outra envolvendo um escultor meio esquisito). Noah não é um garoto de fazer muitas amizades, e quando ele conhece o novo vizinho logo eles percebem que têm uma conexão muito forte. Noah se sente muito atraído pelo amigo, mas teme a reação dele e das demais pessoas. O romance deles fica mais na amizade durante boa parte do livro. E se eles terão coragem ou não para viver esse amor eu deixo essa curiosidade para vocês... Hahaha!

Jude é mais louquinha, ela comete alguns erros e paga pela consequência deles. Se apaixona pelo cara errado e depois pelo cara certo, apesar de parecer ser errado também. O problema é que ele é meio bad boy e não quer ferir os sentimentos dela, nem tem coragem para se entregar... Será que ele fica assim até o final do livro?

A morte de uma pessoa querida faz com que os irmãos se afastem ainda mais um do outro, mas essa tragédia serviu para que eles descobrissem segredos sobre sua família, descobrissem que "errar" faz parte, que o perdão é necessário, que é preciso coragem para ser quem você é, que viver a vida não é uma questão de estar certo ou errado, às vezes só é preciso compreensão. É preciso saber aceitar certas coisas que não podem mais ser mudadas. E também é preciso coragem para amar.

Eu te darei o sol é um livro encantador. Jandy Nelson escreve com muita sensibilidade sobre temas polêmicos. Cativa o leitor com sua linguagem poética, brinca com as palavras usando muita criatividade para descrever o cotidiano. Faz com que o leitor se apaixone perdidamente pelos personagens, enfim... Eu te darei o sol é um livro que todo mundo precisa ler.

0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB