Primeiras impressões sobre o livro No Seu Olhar - Nicholas Sparks

20 de junho de 2016 0 comentários




Faz tempo que não leio nada do Nicholas Sparks. Na verdade, estava evitando leituras que nos deixam com o coração apertado de tanta aflição. Se bem que tive sorte de nos últimos livros dele que li ter um final feliz. 

No livro No Seu Olhar somos apresentados a Maria Sanchez, uma brilhante advogada que retorna a sua cidade natal, Wilmington, para tentar vencer seus traumas. Também conhecemos Colin, um jovem de 28 anos com um passado bem problemático.

Não é novidade que o caminho desses dois se cruzam.

O prefácio do livro começa de forma interessante, onde um personagem, nos jardins da universidade, observa tudo ao redor, principalmente uma jovem chamada Serena, que é irmã mais nova de Maria. Há um suspense sobre o motivo do rapaz a estar observando, não apenas pessoalmente, mas seguindo o que ela posta nas redes sociais. Sem dúvida esse rapaz está envolvido no passado da família Sanchez e suas intenções em seguir a jovem não são nada boas.

No primeiro capítulo Colin interage com seu amigo, Evan, numa lanchonete de segunda, frequentada por pessoas que procuram brigas e comida barata. Dá para conhecer um pouco do perfil de Colin, já que no momento ele está com a cara inchada por ter lutado com um fuzileiro naval. Colin é o terceiro filho de uma família normal, mas que não havia se planejado para esse terceiro filho. O resultado foi que Colin se tornou um garoto rebelde: se metia em brigas, era expulso das escolas, usava drogas, dava festas barulhentas, etc. Agora ele está de volta, cursando uma faculdade e morando como inquilino de seu amigo Evan, que é o oposto dele, um contador sério, responsável e noivo de uma garota também de bem com a vida, Lily.

Quando Maria entra em cena, a história ganha um pouco mais de humor. Isso porque ela está na estrada com o pneu do carro furado e se assusta quando o homem que para para ajudá-la é nada mais nada menos que Colin, com sua cara inchada. Dá para imaginar o pavor dela, não é?

Eles acabam tendo um segundo encontro em outro momento mais propício e se dão bem logo de cara, mas Maria fica um pouco com o pé atrás, pois Colin fala abertamente de seus erros do passado, o que é um pouco assustador. Colin tem transtorno de raiva e TDAH, mas está aprendendo a se controlar e já está afastado de confusão há um certo tempo. Será que Maria vai dar uma chance a esse cara?

Só li os primeiros capítulos e gostei do que li. Espero em breve ter a oportunidade de ler o livro inteiro, pois confesso que fiquei curiosa! Quando eu ler voltarei aqui para contar para vocês!

0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB