Primeiras impressões sobre o livro O ar que ele respira

29 de julho de 2016 0 comentários

O ar que ele respira está na minha lista de leitura já faz um tempo. Não sabia nada sobre o livro, mas me interessei por ele apenas pelo fato de ser escrito pela Brittainy C. Cherry, autora de Sr. Daniels, livro que simplesmente AMEI. 

Li os sete primeiros capítulos de O ar que ele respira e posso dizer que gostaria de dar continuidade à leitura. A história não traz nenhuma novidade: Dois corações partidos que se encontram. Mas Brittainy sabe como transformar uma história simples em puro sentimento. E nós acabamos nos envolvendo.

Tristan era casado e tinha um filho. Vivia feliz, morava perto dos pais e ia realizar seu sonho profissional ao abrir o próprio negócio com seu pai. Tudo ia bem até que um acidente tirou a vida de sua esposa (não sei o que aconteceu com o filho, pois o capítulo sete para justamente onde isso ia ser explicado e no início da história Tristan está sozinho, então não sei se o garoto também morreu ou não). Tristan passa a ser um homem mal-humorado, solitário e até temido por sua cara feia. Não que ele seja feio. Quem já viu o mocinho do romance ser feio? Claro que ele tem um belo par de olhos azuis e barriga tanquinho. O fato é que a perda da família o abalou profundamente e ele não superou isso. 

Elizabeth também teve uma grande perda. Seu esposo, Steven, morreu há um ano deixando-a sozinha com Emma, a filhinha deles. Mas ao contrário de Tristan, Elizabeth é mais aberta e conta com o apoio dos amigos. A ligação dela com Tristan é logo evidente, pois ao olhar nos olhos dele ela percebe que conhece aquele tipo de dor. Mas o rapaz não é nada amistoso com ela e a aproximação entre eles imagino que vá ser lenta... Espero poder saber isso em breve. Quando eu ler, conto para vocês.

Confira aqui a resenha de Sr. Daniels.

0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB