Resenha do livro Talvez um dia

10 de agosto de 2016 0 comentários


Conheci os livros da Colleen Hoover este ano e fiquei encantada com o modo que ela escreve. Amei todos os livros dela que li, mas, Talvez um dia... Dizer que amei ainda é pouco. Eu nunca li um livro onde algumas cenas simplesmente chegassem à perfeição. Não posso dizer que a história inteira foi perfeita, mas algumas cenas, sim... E Ridge... fala sério! Que personagem mais fofo! Quando achei que a autora não poderia criar um personagem mais fofo que o Holder de Um Caso Perdido, e não é que ela criou o Ridge?

Vou colocar a sinopse para vocês entenderem a história e depois vou fazer meus comentários.



Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex-melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.


A atração entre Sydney e Ridge é imediata e a conexão entre ambos é muito forte. O que chama a nossa atenção é que essa atração entre eles não é aquela atração apenas física, não é um "ah, não consigo me controlar, vou tirar sua roupa". Nada disso. É uma conexão de sentimentos, emoção, olhares. Eles compõem músicas juntos. E as palavras, sentimentos e emoções entre eles se entrelaçam como se um completasse o outro. No entanto, eles não se entregam a isso. Sydney sabe o que é ser traída e não deseja o que ela passou a ninguém. E Ridge tem namorada, a ama e não deseja traí-la. Eles também têm uma história bonita.

Mas o tempo vai passando, a paixão vai aumentando... E o problema é que os dois são leais. Quer dizer, isso não é problema, é uma virtude e tanto. 

Ridge é um personagem diferente de tudo o que já li. Ele tem uma característica, que não vou falar senão perde o encanto (Foi surpresa para mim tem que ser surpresa para você também), que vai fazer você se apaixonar ainda mais por ele.

Talvez um dia traz histórias de superação, lealdade, amizade, traz diversão... Eu nunca suspirei tanto enquanto lia um livro. E em alguns momentos percebi que estava prendendo a respiração. É de tirar o fôlego. Simplesmente MELHOR livro da Colleen Hoover que li. Precisa dizer que recomendo muito? 

0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB