Resenha do livro O ano em que te conheci

28 de dezembro de 2016 0 comentários


Cecelia Ahern é uma escritora que admiro já faz um tempinho. E, por conta disso, não abandonei esse livro nos primeiros capítulos. Sabia que podia confiar nela. 

Jasmine é uma mulher de trinta e poucos anos que vive em função do trabalho e de cuidar de sua irmã, Heather, que tem Síndrome de Down. Na verdade, Heather divide um apartamento com uma amiga e é bem independente, a Jasmine é que exagera mesmo nos cuidados com a irmã, principalmente pelo fato de a mãe delas já ter morrido e o pai ter uma nova família e não ser muito participativo na vida de Heather.

Jasmine tem um vizinho, Matt, que mora em frente a sua casa. Por conta disso, de sua janela ela acaba vendo muito da vida dele. E também não é como se ele fosse discreto, chegando em casa de madrugada, bêbado e com o volume do som do carro nas alturas. (Pelo menos ele tinha bom gosto. A música era sempre a mesma Paradise City - Guns N' Roses). Matt é casado, mas está em crise, sua mulher acaba indo em bora para "dar um tempo" levando os três filhos com ela. O mais velho, um rapaz de 15 anos, odeia o pai. A situação é bem complicada.

Jasmine tem uma relação de amor e ódio com Matt. Ele é radialista. Comanda um programa de debates, daquele que faz o povo ficar discutindo sobre temas polêmicos. Anos atrás foi discutido sobre Síndrome de Down, e Jasmine ficou muito ofendida com os comentários. Por isso ela diz odiar Matt. No entanto, ela não para de observar a vida dele.

Ao ficar desempregada e de licença forçada, Jasmine fica com tempo de sobra em casa sem ter o que fazer e então é que começa a observar mesmo a vida de Matt. Para ocupar o tempo, ela decide quebrar os paralelepípedos que tinha colocado em seu jardim, para replantá-lo. Ao se desentender com o paisagista, ela mesma decide trabalhar em seu jardim. Com ela trabalhando no jardim, e Matt bebendo no jardim dele para esquecer seus problemas, eles acabam se aproximando.

A amizade não é imediata. Eles vivem trocando farpas. Mas, até que é divertido.

O ano em que te conheci é um livro que fala sobre amizade. Ao se aproximar de Matt, Jasmine descobre que ele não é tão terrível assim. E ao ter que desacelerar do trabalho e ter que ficar em casa, Jasmine também descobre mais sobre si mesma. 

O início da história pode ser entediante, mas, aos poucos, Cecelia vai mostrando o seu humor ao descrever situações pra lá de embaraçosas que a nossa personagem se mete.

E no final há uma boa reflexão. Amei e recomendo. 

Outros livros da Cecelia Ahern que li:






0 comentários:

Postar um comentário

 

©Copyright 2011 Apreciando a Leitura | TNB